contato@fonocare.com| (65) 3621-4440

ORIENTAÇÕES FONOAUDIOLÓGICAS PARA PESSOAS QUE APRESENTAM DISFAGIA: ESSAS ORIENTAÇÕES DEVEM SER APLICADAS A PESSOAS COM DIFICULDADES PARA ENGOLIR E TAMBÉM À IDOSOS. ESSAS ORIENTAÇÕES SÃO MUITO IMPORTANTES PARA DIMINUIR AS COMPLICAÇÕES PROVOCADAS PELA DISFAGIA, GARANTINDO ASSIM, MELHOR SEGURANÇA DURANTE A ALIMENTAÇÃO:

  • ATENÇÃO AO POSICIONAMENTO – MANTER-SE SENTADO A APROXIMADAMENTE EM UM ÂNGULO DE 90º  E COM A CABEÇA ERETA DURANTE AS REFEIÇÕES;
  • NÃO OFERTAR QUALQUER ALIMENTO OU MEDICAMENTO VIA ORAL SE O PACIENTE ESTIVER SONOLENTO OU DORMINDO;
  • ALIMENTAR-SE SEM PRESSA E DE MANEIRA LENTA;
  • SE FAZ USO DE PRÓTESE DENTÁRIA, DEVERÁ MANTE-LA BEM ADAPTADA;
  • DURANTE A REFEIÇÃO SE O PACIENTE APRESENTAR TOSSE OU ENGASGOS, COM PEDAÇOS DE CARNE OU GRUMOS DO ALIMENTO, MUDAR A CONSISTÊNCIA PARA PASTOSA LIQUIDIFICADA, OU SEJA, BATIDOS E COADOS, POIS O ENGASGO COM ALIMENTO LÍQUIDO É O MAIS FREQUENTE;
  •  ATENÇÃO: A CONSISTÊNCIA A SER OFERTADA DE FORMA SEGURA E SEM RISCOS DE ASPIRAÇÃO OU PENETRAÇÃO NA REGIÃO LARÍNGEA, DEVE SER ORIENTADA POR UM FONOAUDIÓLOGO:
  • CONSISTÊNCIA LÍQUIDA RALA (ÁGUA, SUCOS, CHÁS) PODERÁ SER INGERIDA UTILIZANDO COPO EM PEQUENOS GOLES LIVRES, DE FORMA LENTA E FRACCIONADA OU COM AUXÍLIO DE CANUDOS, CASO OCORRA DIFICULDADE NA CAPTAÇÃO DO ALIMENTO. MAS ATENÇÃO! SE O PACIENTE ESTIVER APRESENTANDO TOSSE OU ENGASGOS COM LÍQUIDO, ESTA CONSISTÊNCIA DEVERÁ SER ESPESSADA (UTILIZAR ESPESSANTE PARA ENGROSSAR O LÍQUIDO, FACILITANDO A DEGLUTIÇÃO);
  • CONSISTÊNCIA LÍQUIDA PASTOSA – ALIMENTOS COMO SOPAS, CALDOS E PURÊS, BATIDOS NO LIQUIDIFICADOR E COADOS, SEM PEDAÇOS OU GRUMOS  – OFERTAR NA COLHER, EM PEQUENAS QUANTIDADES, DE FORMA LENTA E FRACCIONADA.
  • CONSISTÊNCIA PASTOSA – ALIMENTOS COMO, SOPAS, CALDOS E PURÊS BATIDOS OU ENGROSSADOS, COM PEQUENOS PEDAÇOS  DE CARNES MACIAS OU GRUMOS DE VERDURAS, LEGUMES, FRUTAS BATIDAS OU AMASSADAS. OFERTAR NA COLHER DE FORMA LENTA E FRACCIONADA.
  • CONSISTÊNCIA SÓLIDA – ALIMENTOS COMO PÃES, BOLACHAS, ARROZ, FEIJÃO, FRUTAS E CARNES. ALIMENTOS COMUNS QUE REQUEREM UM ESFORÇO MAIOR NA REFEIÇÃO. ESSES ALIMENTOS DEVEM SER MASTIGADOS BILATERALMENTE E TRITURADOS, ANTES DO ATO DA DEGLUTIÇÃO. SENDO ASSIM, O PACIENTE DEVERA ESTAR COM O QUADRO CLÍNICO DE SAÚDE ADEQUADO.
  • SEMPRE AGUARDAR  TERMINAR DE ENGOLIR TOTALMENTE O ALIMENTO, PARA INGERIR A QUANTIDADE SEGUINTE;
  • SE HOUVER TOSSE OU ENGASGOS SUSPENDER A OFERTA, POSICIONAR A CABEÇA PARA BAIXO E TOSSIR FORTE, NÃO OFERTAR ÁGUA QUANDO ESTIVER TOSSINDO;
  • MANTER-SE SENTADO POR 30 MINUTOS APÓS A OFERTA.

 

ATENÇÃO – AS ALTERAÇÕES DA DEGLUTIÇÃO OU DIFICULDADES AO ENGOLIR, SENSAÇÃO DE ALGO PARADO NA GARGANTA, TOSSES OU ENGASGOS FREQUENTES COM SALIVA OU ALIMENTOS, CANSAÇO, ROUQUIDÃO, FEBRE, DIFICULDADES RESPIRATÓRIAS, VERMELHIDÃO, FALTA DE AR, DIMINUIÇÃO DE APETITE, SÃO SINAIS DE DISFAGIA E O INDIVÍDUO PODE ESTAR APRESENTANDO RISCOS DE BRONCOASPIRAÇÃO. DEVEM SER DIAGNOSTICADAS E TRATADAS CONJUNTAMENTE POR MÉDICOS, ENFERMEIROS, NUTRICIONISTAS E FUNDAMENTALMENTE  FONOAUDIÓLOGOS ESPECIALIZADO, QUE SÃO OS PROFISSIONAIS APTOS AO TRABALHO ESPECÍFICO DA FUNÇÃO.
03-DISFAGIA